Seja bem-vindo!

Projetos 21 – Meio Ambiente Inteiro

Quem Somos?

O resultado de uma caminhada de mais de duas décadas, trabalhando como voluntários e profissionalmente com o  Ambiente Inteiro, de  forma transversal, sem se dar conta que estavámos construindo um caminho rumo ao tripé que hoje nos forma.

Profissionais de diversas áreas do conhecimento humano, afinados com propósitos comuns e com práticas ambientais, culturais e sociais que dialogam entre si.  Um corpo que esta em formação e transformação constante com voluntários, profissionais e parceiros de caminhada.

Formação do conceito da Projetos 21

A pesquisa raiz de hábitos, costumes e valores do Homem Ameríndio, Afro-descendente, Comunidades Tradicionais, rurais e urbanas de todas as raças e etnias que formam o DNA do povo brasileiro em todas as suas nuances, motivou a criação da Projetos 21.

No ciclo do conhecimento perceber, reconhecer e acolher saberes e fazeres  de todas as regiões do Brasil, através da produção da cultura popular, tradições e do patrimônio imaterial, dialogando com a ciência e academia.

MISSÃO

Ser um canal de comunicação entre as diversas áreas do conhecimento humano, projetado para o século XXI, quanto ao diálogo multisetorial, multidisciplinar, transdisciplinar e interdisciplinar, no tripé Ambiental,  Cultural e Social.

OBJETIVOS

Resgatar, preservar, potencializar, desenvolver e produzir conhecimento a partir do patrimônio histórico cultural dos Ritos, Mitos e Lendas de cada lugar, das tradições de formas de viver, com respeito ambiental e social.

VISÃO

Proporcionar Diálogos do Patrimônio Intangível, quanto à produção cultural e de responsabilidade social, comprometidos com a inclusão dos terráqueos em sua própria casa Terra, o meio ambiente e o desenvolvimento sustentável, buscando afinar a teoria com a prática no que se refere ao conhecimento científico, tradicional saber e experiências do ser humano.

FINALIDADE

Potencializar e despertar talentos para espelhar sentimentos e emoções no que diz respeito às manifestações populares e ao conhecimento tradicional, apoiados nos estudos científicos e em tecnologias contemporâneas.

Incluir diversas atividades como a música, teatro, dança, artes, estórias e saberes do Brasil, sua rica biodiversidade e diversidade cultural,  considerando as diferenças locais e globais, sem perder a essência de suas origens, valores e tradições, alinhados e dialogando com o moderno.

VALORES

  • Integração – O trabalho em equipe, é a razão da existência de nossos projetos.
  • Valorizar o Saber Tradicional e Acadêmico – O equilíbrio entre o saber tradicional, a tecnologia e a ciência, torna tudo possível.
  • Ser Holístico – Compreender o indivíduo e o uno, o Holos – Todo.
    Fazemos parte da “Teia da Vida”.
  • Praticar a Responsabilidade Sociocultural – Fazer a partilha do que nos excede, cultura, conhecimento, alegria, vida, prosperidade e fraternidade, na construção de um mundo com mais qualidade de vida.
  • Respeitar o Meio Ambiente – Reconhecer que somos seres da natureza e  responsáveis pelo futuro das gerações.

 

NOSSOS PRINCÍPIOS

  • Construção Coletiva– Respeitar a individualidade humana, com transparência, ética, começando por si mesmo, na busca por excelência e realização.
  • Diálogos Sustentáveis– Estar aberto ao novo, dispor-se a escutar pontos de vista diferentes, possibilitando trocar, aprender e partilhar.
  • Identificar a biodiversidade cultural – Resgatar a cultura local, respeitar a global, conhecer e reconhecer as diferenças como um terreno profícuo para cultivar novos produtos culturais.
  • Potencializar talentos – Descobrir o que há de melhor no ser humano, suscitar seus talentos através de jogos, dinâmicas, diálogos, capacitações e vivências.
  • Foco e determinação – Identificar oportunidades e convidar parceiros, para desenvolver objetivos, na construção coletiva de uma gestão compartilhada.
  • Propositividade – Ter iniciativa, capacidade de decisão, independência e imaginação criadora para realizar um trabalho de excelência com diversos atores envolvidos.
  • Motivação – Acreditar na transformação a partir de pequenos atos, realizar na prática o que se propoga na teoria, transcender obstáculos e ser cônscio dos desafios da globalização, das crises e mudanças de paradigmas.